Follow by Email

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Independência e responsabilidade

O assunto da janta hoje foi independência e responsabilidade...
- Quando vamos poder morar sozinhos? perguntaram eles numa tensão natural de quem já está cansado de seguir as regras da casa da mãe. (Importante lembrar que quando um cozinha, os outros dois, ou duas, ficam responsáveis por tirar e botar a mesa e ajudar na limpeza geral na cozinha... Hoje a janta foi do Ma e, por isso, as gurias lideraram a indignação natural da responsabilidade.)
- Bem, quando forem adultos, respondi...
- Mas mãe tu é a adulta e é tu que tem que fazer as coisas.... enfatizou a pequena Lili com muita moral no discurso.
- Isso mesmo. Eu não quero mais fazer nada - aproveitou pra se rebelar a mais velha.
- Não é justo mãe, disse o Mateus. Eu já fiz a minha parte.
O fervo estava armado e eu ali tri a fim de surtar junto. Mas, desta vez, consegui parar e pensar rápido:
- Tá gurias. É isso. Eu sou adulta e eu tenho que fazer tudo sozinha?
Me olharam estranhando, mas acreditaram que eu ia ceder pra não gerar estress maior e confirmaram.
- Sim, né! Claro. Foi tu que disse que adulto é que pode tudo.

E essa foi a deixa que eu estava esperando:
- Passem os celulares e o note pra cá.
- Como assim? perguntaram.
- Ué, quem não é grande pra ajudar em casa, não é grande pra usar whats up e computador! Não é essa a lógica?
Pisquei e já estavam levando a louça pra pia.
Ufa, aqui em casa, quem menos corre voa...

Nenhum comentário:

Postar um comentário