Follow by Email

domingo, 27 de setembro de 2015

Os risquinhos na testa

Essa noite tivemos um hospede especial! Meu afilhado dormiu na minha casa pela primeira vez... Ele tem quatro anos e é uma figura!
Antes de dormir nós ficamos conversando e eu, como não preciso mais enfatizar, sou coruja até de afilhado (RSRSRS).
- Gui, tu é a cara da dinda! falei. Ele riu como se soubesse do exagero da minha observação.

- Nem sou dinda. Não sou parecido nem com a minha mãe. Já disse pra ela...
- Como assim? Eu te acho parecido com ela!!! (Eu
realmente acho.)
- Ela tem umas curvas na testa que eu não tenho, uns risquinhos sabe?
Não me contive... caí na gargalhada... KKKKKKK
E ele ainda sem ter a noção do que os "risquinhos" significam encerrou o assunto:
- E ainda tem aquelas coisas escuras embaixo dos olhos.... Eu não tenho!!!! KKKKK

Espetáculo esse guri! Se fala tudo isso da minha irmã caçula, imagina de mim o que não pensa?

Nenhum comentário:

Postar um comentário